2017 ano 8

Pesquisar este blog

Translate

quarta-feira, 19 de dezembro de 2012

Ato Médico é aprovado pela CAS



O PL do Ato Médico foi aprovado nesta quarta-feira (19), por unanimidade, na Comissão de Assuntos Sociais (CAS) do Senado Federal. Na ocasião, a senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM) propôs um acordo para que a matéria só seja apreciada no Plenário da Casa em 2013. O CFP continuará na luta para que o projeto não seja votado da forma como está, pois pode fixar reserva de mercado aos médicos, além de restringir as atividades dos outros profissionais da área da saúde.

Durante a reunião, a relatora da matéria na CAS, a senadora Lúcia Vânia (PSDB-GO), defendeu que relatório contém a essência e a presença de todas as profissões da saúde. A afirmação foi contestada com veemência pelas profissões da saúde durante reunião deliberativa na Comissão de Assuntos Sociais. 

O Ato Médico é um retrocesso em relação às diretrizes e princípios estabelecidos na Constituição de 1988 para o Sistema Único de Saúde (SUS), compromete o modelo de saúde baseado no atendimento universal, igualitário e integral, por equipes multiprofissionais, já em curso nos serviços públicos de saúde.  http://site.cfp.org.br/#NOTICIAS


domingo, 9 de dezembro de 2012

XXXIV Congresso Interamericano de Psicologia

FONTE E MAIS INFORMAÇÕES: http://www.sip2013.org/principal.html

Congresso - Temas e Áreas do Evento


Análise do Comportamento
Avaliação, Métodos e Medidas em Psicologia
Ensino em Psicologia
Estudos psicológicos de questões relacionadas às minorias étnicas
Ética e Bioética
História e Epistemologia da Psicologia
Personalidade
Psicobiologia e Neurociência
Psicologia ambiental, populacional e da preservação
Psicologia Clinica
Psicologia Cognitiva
Psicologia Comunitária
Psicologia da Arte
Psicologia da Saúde
Psicologia do Desenvolvimento
Psicologia do Esporte
Psicologia Econômica e do Consumidor
Psicologia Escolar e Educacional
Psicologia Forense
Psicologia Jurídica
Psicologia Organizacional e do Trabalho
Psicologia e Questões Sociais
Psicologia Política
Psicologia Social
Sexualidade e Estudos psicológicos de questões lésbicas, gays, bissexuais e transgêneros

sexta-feira, 9 de novembro de 2012

Psicologia Acadêmica: Terapeuta no Computador

Psicologia Acadêmica: Terapeuta no Computador: Essa é bom saber, a terapia on-line ainda está em fase experimental, mas o relato dos especialistas tem saldo positivo. A partir de dezem...

sexta-feira, 26 de outubro de 2012

O OLHAR DA PSICOLOGIA: NOVO CURSO NOVEMBRO 2012

O OLHAR DA PSICOLOGIA: NOVO CURSO NOVEMBRO 2012: Temas de Psicologia do Desenvolvimento: uma revisão de Spitz, Winnicott e Bowlby. Público Alvo : psicólogos, estudantes de psicologia,...

terça-feira, 2 de outubro de 2012

domingo, 16 de setembro de 2012

EXCLUSÃO SOCIAL

O excluído prefigura a dissolução de vínculos e de laços sociais e, em especial, institucionais: aí reside o risco, o perigo (Soulet, 2000).

 

EXCLUSÃO SOCIAL


domingo, 26 de agosto de 2012

Psicologia: 50 anos no Brasil

Estivemos neste dia 25/08 (sábado) pela manhã na praça Dr. Blumenau realizando um psiação muito interessante, oportunidade de estar conversando com a população blumenauense sobre a psicologia, seus 50 anos no Brasil, além da confraternização que foi algo sensacional.
Agradeço a coordenação do curso na pessoa da Psicóloga  Ana Priscila de Oliveira Benites, que esteve presente e  propiciou tal evento.  




quarta-feira, 15 de agosto de 2012

III Mostra Científica da FAMEBLU


A III Mostra Científica da FAMEBLU, que conta com apresentações de pôsteres e de trabalhos de comunicação oral, acontece nos dias 17 e 18 de agosto, no Campus II da Instituição.
O evento é aberto para toda a comunidade. Ler mais...

domingo, 24 de junho de 2012

terça-feira, 19 de junho de 2012

O MUNDO

O MUNDO

Um homem da aldeia de Neguá, no litoral da Colômbia, conseguiu subir aos céus. 
Quando voltou, contou. Disse que tinha contemplado, lá do alto, a vida humana. E disse que somos um mar de fogueirinhas. 

 - O mundo é isso - revelou. - Um montão de gente, um mar de fogueirinhas. 

Cada pessoa brilha com luz própria entre todas as outras. Não existem duas fogueiras iguais. Existem fogueiras grandes e fogueiras pequenas e fogueiras de todas as cores. Existe gente de fogo sereno, que nem percebe o vento, e gente de fogo louco, que enche o ar de chispas. Alguns fogos, fogos bobos, não alumiam nem queimam; mas outros incendeiam a vida com tamanha vontade que é impossível olhar para eles sem pestanejar, e quem chegar perto pega fogo.

O LIVRO DOS ABRAÇOS - EDUARDO GALEANO - PÁGINA 13


sexta-feira, 18 de maio de 2012

OLHAR DA PSICOLOGIA

Com o olhar na tela e os sentidos aguçados, traçando novos caminhos para uma reflexão mais ampla sobre constituição do sujeito  em todo seu variado aspecto: pobreza, trabalho comunicação, gênero, estereótipo, discriminação, arte, cultura, política, dialética exclusão-inclusão, etc...
Partindo de conteúdos teóricos como: Constituição do sujeito, atividade, alteridade, mediação semiótica (sentidos e significados), afetividade (ética, estética e imaginação).
Livros e Artigos Científicos: Vigotski, Espinosa, Peter k. Spink, Bader B. Sawaia, Silvia Lane, entre outros...


cartaz de O Enigma de Kaspar HauserO Enigma de Kaspar Hauser
(Jeder für Sich und Gott Gegen Alle, 1974)
• Direção: Werner Herzog
• Roteiro: Werner Herzog
• Gênero: Biografia/Drama/Histórico
• Origem: Alemanha Ocidental
• Duração: 110 minutos
• Tipo: Longa-metragem


Quanto Vale ou é por Quilo?Informações Técnicas
Título no Brasil:  Quanto Vale Ou É Por Quilo?
Título Original:  Quanto Vale Ou É Por Quilo?
País de Origem:  Brasil
Gênero:  Drama
Classificação etária: 14 anos
Tempo de Duração: 108 minutos
Ano de Lançamento:  2005
Site Oficial:  http://www.quantovaleoueporquilo.co m.br
Estúdio/Distrib.:  Versátil
Direção:  Sergio Bianchi



Lixo Extraordinário

  • Lançamento
    21 de janeiro de 2011 (1h 39min
  • Dirigido por
    Lucy Walker
  • Gênero Documentário
  • Nacionalidade
    Reino Unido, Brasil








Reflexão proposta na Disciplina de Psicologia Social e Comunitária ao longo do semestre pelo Prof° André Luiz Strappazzon.

quinta-feira, 10 de maio de 2012

VIRGINIA WOOLF

Esta alma, ou vida dentro de nós, sem opção concorda com a vida exterior. 
Se alguém tiver a coragem de perguntá-la o que pensa, 
            ela está sempre dizendo exatamente o oposto do que as outras pessoas dizem.                                                                                                                     
para conhecer:  Virginia Woolf

quinta-feira, 26 de abril de 2012

Psicologia Acadêmica: X Jornada de Psicanálise do Instituto Contemporâne...

Psicologia Acadêmica: X Jornada de Psicanálise do Instituto Contemporâneo

Valores até 30/06/2012

Profissionais R$ 210,00
Profissionais do CIPT R$ 150,00
Estudantes de Pós Graduação R$ 140,00
Estudantes de Graduação R$ 120,00
Valores após 30/06/2012
Profissionais R$ 250,00
Profissionais do CIPT R$ 200,00
Estudantes de Pós Graduação R$ 180,00
Estudantes de Graduação R$ 160,00
Melhores Informações:
(51)3019 5340 - Porto Alegre - Brasil
ensino@contemporaneo.org.br

terça-feira, 24 de abril de 2012

PRECIOUS

Filme muito interessante, trata do assunto abuso sexual infantil de maneira crua, possível ver todos as faces, o papel da mãe, educadores e da própria Precious. O melhor de tudo não se trata de conto de fadas.

quarta-feira, 18 de abril de 2012

“FRANKENSTEIN – Medo de quem?

Bela iniciativa do grupo Uniasselvi, trazer o espetáculo para o Teatro Michelangelo.
Pelos seus 15 anos, Dionisios Teatro: MERDA!!!

segunda-feira, 9 de abril de 2012

Páscoa no Lar Santa Clara

Kátia Morgana Machado, Keli T. Mattos, Thaisline Priscila Farias (graduandas de psicologia da Fameblu) e o coelho proporcionaram: 
Uma Tarde de Sorrisos... no Lar Santa Clara.
Algo indescritível, lindo demais!

quinta-feira, 5 de abril de 2012

Novo período de inscrições para 2ª Mostra Nacional de Práticas em Psicologia

O prazo para efetivação de inscrições para a 2ª Mostra Nacional de Práticas em Psicologia foi prorrogado.

O novo período vai até 31 de maio de 2012.

Mais uma oportunidade para você que ainda não inscreveu seu resumo de trabalho.

Essa possibilidade havia sido prevista pela Curadoria da Mostra e visa atender a inúmeros pedidos de reconsideração do prazo que têm chegado à Coordenação Geral da Mostra.

Verifique o modo de inscrever seu trabalho em formato de pôster ou de vídeo nos links: Como inscrever seu Pôster e Como inscrever seu vídeo.

Para mais informações, acesse: http://mostra.cfp.org.br.

quarta-feira, 21 de março de 2012

“SE É BOM OU SE É MAU...”

CRÔNICA DE: RUBEM ALVES

Quando eu contava estórias para a minha filha – ela era bem pequena ainda – tinha uma pergunta que ela sempre me fazia: “Esta estória aconteceu de verdade?” Eu não tinha jeito de responder.
Se fosse o Peter Pan, adulto, tal como aparece Hook – A volta do Capitão Gancho, eu diria logo que era só uma mentirinha sem importância que eu estava inventando para que ela dormisse logo e eu pudesse voltar a me ocupar das coisas importantes do mundo real do dinheiro, da política, do trabalho, das rotinas da casa. Diria a ela que o livro que me importava, aquele que eu realmente lia, livro de cabeceira, era a agenda de capa verde. Nas suas páginas se escrevia a realidade. Mas ela era muito criança - com o tempo cresceria e aprenderia a ler a literatura do real que só pode ser lida nas agendas. Por enquanto, ela podia se entregar as palavras mentirosas das estórias, só para que o sono viesse mais depressa....
Mas eu não era o Peter Pan adulto e o que eu tinha para dizer, pois achava complicado demais para a cabecinha dela. O que eu gostaria de dizer a ela e não disse é que as estórias que eu contava não aconteceram nunca para que acontecessem sempre. A TERRA DO NUNCA é a TERRA DO SEMPRE, que existe eternamente dentro da gente. Já o que aconteceu de fato, documentado, fotografado, comprovado pela ciência e escrito com o nome de História – isso aconteceu do lado de fora da gente e, por isso, não acontece nunca mais. Está morto e enterrado no passado, e não há feitiço que faça ressuscitar. Mas aquilo que não aconteceu nunca, aquilo que só foi sonhado, é aquilo que sempre existiu e que sempre existirá, que nem nasceu e nem morrerá, e a cada vez que se conta acontece de novo....
Se ela me tivesse feito a pergunta de um jeito diferente, se me tivesse perguntado se acreditava na estória, ah!, eu teria respondido fácil: “Mas é claro que acredito!” Pois eu só acredito no que não aconteceu nunca, no que é sonho, pois os sonhos, é disto que somos feitos.
A estória da Branca de neve não aconteceu nunca – mas todos nós somos sempre, uma madrasta que se vê triste diante do espelho e manda a menina, nós também, para ser morta na floresta. A estória de João e Maria não aconteceu nunca, mas em toda a criança existe a fantasia terrível do abandono. A estória de Romeu e Julieta não aconteceu nunca, mas queremos ouvi-la de novo, pois dentro de nós existe o sonho do amor puro, belo e imortal. E é por isso que sou incuravelmente religioso, porque nas estórias da religião, que não aconteceram nunca, os sonhos e pesadelos da alma se acham refletidos. Acredito porque sei que são mentiras. Se fossem verdades, não me interessariam.
As estórias são contadas como espelhos, para que a gente se descubra nelas. Os orientais são os grandes mestres nesta arte, esquecida dos ocidentais porque cresceram, como o Peter Pan do filme Hook, e passaram a acreditar somente naquilo que a agenda conta, sem perceber que, porque ela diz a verdade, mente.
Quero contar para vocês a estória que mais tenho contado – não aconteceu nunca, acontece sempre. Um homem muito rico, ao morrer, deixou suas terras para os seus filhos. Todos eles receberam terras férteis e belas, com a exceção do mais novo, para quem sobrou um charco inútil para a agricultura. Seus amigos se entristeceram com isso e o visitaram, lamentando a injustiça que lhe havia sido feita. Mas ele só lhes disse uma coisa: “Se é bom ou se é mau, só o futuro dirá”. No ano seguinte, uma seca terrível se abateu sobre o país, e as terras dos seus irmãos foram devastadas: as fontes secaram, os pastos ficaram esturricados, o gado morreu. Mas o charco do irmão mais novo se transformou num oásis fértil e belo. Ele ficou rico e comprou um lindo cavalo branco por um preço altíssimo. Seus amigos organizaram uma festa porque coisa tão maravilhosa lhe tinha acontecido. Mas dele só ouviram uma coisa: “Se é bom ou se é mau, só o futuro dirá.” No dia seguinte seu cavalo de raça fugiu e foi grande a tristeza. Seus amigos vieram e lamentaram o acontecido. Mas o que o homem lhes disse foi: “Se é bom ou se é mau, só o futuro dirá.” Passados dez dias o cavalo voltou trazendo dez lindos cavalos selvagens. Vieram os amigos para celebrar esta nova riqueza, mas o que ouviram foram as palavras de sempre: “ Se é bom ou se é mau, só o futuro dirá.” No dia seguinte, o seu filho, sem juízo, montou um cavalo selvagem, O cavalo corcoveou e o lançou longe. O moço quebrou uma perna. Voltaram os amigos para lamentar a desgraça. “Se é bom ou se é mau, só o futuro dirá”, o pai repetiu. Passados poucos dias vieram os soldados do rei para levar os jovens para a guerra. Todos os moços tiveram de partir, menos o seu filho de perna quebrada. Os amigos se alegraram e vieram festejar. O pai viu tudo e só disse uma coisa: “ Se é bom ou se é mau, só o futuro dirá...”
Assim termina a estória, sem um fim, com reticências.....Ela poderá ser continuada, indefinidamente. E ao contá-la é como se contasse a estória de minha vida. Tanto os meus fracassos quanto as minhas vitórias duraram pouco. Não há nenhuma vitória profissional ou amorosa que garanta que a vida finalmente se arranjou e nenhuma derrota que seja uma condenação final. As vitórias se desfazem como castelos de areia atingidos pelas ondas, e as derrotas se transformam em momentos que prenunciam um começo novo. Enquanto a morte não nos tocar, pois só ela é definitiva, a sabedoria nos diz que vivemos sempre à mercê do imprevisível dos acidentes. “SE É BOM OU SE É MAU, SÓ O FUTURO DIRÁ”

sábado, 10 de março de 2012

Iº Simpósio Psicologia e Formação: Políticas Nacionais, Diretrizes Curriculares e Licenciatura

 
A  ABEP convida os coordenadores de cursos, professores, estudantes e profissionais interessados para o I Simpósio Psicologia e Formação: Políticas Nacionais, Diretrizes Curriculares e Licenciatura que acontecerá no dia 16 de março de 2012, em São Paulo, no Conselho Regional De Psicologia 6ª Região ...

O Símpósio terá transmissão online através do site O Símpósio terá transmissão online através do sitewww.crpsp.org.br/aovivo 

sábado, 18 de fevereiro de 2012

Psicologia x Ato Médico


Ato Médico: Psicologia expõe argumentos contrários ao PL em conversa com senador Roberto Requião

O presidente do Conselho Federal de Psicologia, Humberto Verona, conversou nesta segunda-feira, 12 de fevereiro, com o senador Roberto Requião (PMDB-PR), presidente da Comissão de Educação (CE) do Senado, sobre o chamado Ato Médico. O Projeto de Lei, que não é consenso entre as profissões da saúde, foi aprovado dia 8 de fevereiro na CCJ do Senado e agora está em análise na CE. Leia Mais